maykon1

Muitas suposições rondam caso de garoto desaparecido em Rondônia

Quase dois meses após o desaparecimento do adolescente Maykon Castro de Paula, à época com 17 anos, as investigações prosseguem e segundo a Polícia Civil de Rondônia, estão bem adiantadas. O assassinato de um homem identificado por Fabrício dos Santos Guaitolini, 36 anos, em Seringueiras, possivelmente por estar ligado ao mundo dos crimes, pode ajudar a elucidar o sumiço de Maykon. Isso porque Fabrício já foi patrão do garoto.

O delegado Mário Henrique, responsável pelo caso, disse que a morte de Fabrício realmente pode estar ligada, mas que há possibilidades de Maykon ter desaparecido por vontade própria e ser encontrado com vida.

Uma fonte do Formosa Agora informou que a Polícia está trabalhando na linha de que Maykon estava fazendo a segurança pessoal de Fabrício, que estaria ligado ao tráfico de drogas, e que por conta da guerra do tráfico teria sido assassinado. O delegado disse que essas informações não procedem.

Patrícia de Castro, mãe de Maykon, também acredita que a morte de Fabrício pode fazer as investigações avançarem, já que Fabrício seria uma pessoa influente na região.

 

Vaquinha OnLine

Em busca de mais informações sobre o desaparecimento do filho, Patrícia Castro está fazendo uma vaquinha online para arrecadar algo em torno de R$ 3 mil para custear as passagens da viagem de Formosa (GO) à Seringueiras (RO).

O delegado Mário afirmou ser muito importante a presença de Patrícia para contribuir com os avanços das investigações. Ele disse que ela pode ajudar com alguma informação sobre o passado dele que a Polícia ainda não saiba.

Para que Patrícia vá até Rondônia foi criada uma vaquinha online, qualquer pessoa pode doar valores a partir de R$ 20 com pagamento no cartão de crédito ou boletos. Basta acessar o site https://www.vakinha.com.br/vaquinha/em-busca-de-maycon e contribuir.

Comente!